Distribuidora Ribeiro
Banner Home
Ano de 2019

Galo: ex-presidentes Alexandre Kalil e Ricardo Guimarães são ausências em aprovação de balanço

São figuras protagonistas na história do time neste século

01/08/2020 09h47
Por: Ricardo Chaves

Por Itasat

Os ex-presidentes do Atlético, Alexandre Kalil e Ricardo Guimarães não compareceram à reunião que aprovou as contas do clube referentes ao ano de 2019. Referências dentro do Galo, Kali, que é o atual prefeito de Belo Horizonte, e Guimarães, dono do Banco BMG, são figuras protagonistas na história do time neste século.

Por outro lado, Rubens Menin, principal investidor do Atlético neste ano e fundador da MRV, e Rafael Menin, presidente da construtora e vice do Conselho Deliberativo, estavam presentes. Cerca de 150 conselheiros participaram da assembleia, realizada no clube Labareda, na Pampulha.

O clima da reunião foi bastante tranquilo, após a polêmica criada nos bastidores do clube em torno da marcação da data do encontro para votar o balanço financeiro. As contas do Atlético no ano passado apresentaram um prejuízo de R$ 5,7 milhões. O déficit poderia ter sido maior se o clube não registrasse a doação de R$ 49 milhões de Rubens Menin referente ao terreno onde está sendo construída a Arena MRV. Vale ressaltar que a manobra contábil é legal, porém a quantia não entra nos cofres do clube para custear o futebol.

A dívida total do Atlético saltou de R$ 652 milhões em dezembro de 2018 para R$ 746 milhões ao fim do ano passado.