Covid Sete Lagoas
Principal 6
Principal 4
Principal 1
Principal 3
Principal 5
Principal 2
Nesta terça

Atlético x Cerro Porteño: escalações e tudo mais sobre o jogo de hoje pela Libertadores

Com quatro pontos cada, times entram em campo nesta terça-feira, às 19h15, no Mineirão

04/05/2021 09h26
Por: Ricardo Chaves

Por Itasat

Valendo a liderança do grupo H da Copa Libertadores, Atlético e Cerro Porteño se enfrentam nesta terça-feira, às 19h15, no Mineirão, pela terceira rodada. Os dois times somam quatro pontos, mas os paraguaios estão à frente no saldo de gols: 2 contra 1. Desta forma, o empate favorece os visitantes para permanecer na ponta.

Para tomar a primeira posição do Cerro Porteño, o Galo precisará quebrar o tabu de nunca ter vencido o adversário em Belo Horizonte. Foram seis confrontos entre as equipes na história, todas pela Copa Libertadores, com três vitórias dos paraguaios, dois empates e apenas um triunfo do Galo, que foi conquistado atuando em Assunção, em 1981.

Em 2019, última vez em que o Atlético disputou a Libertadores, as duas equipes também estiveram no mesmo grupo. E a equipe alvinegra, então comandada por Levir Culpi, perdeu as duas partidas para o Cerro Porteño: 1 a 0 no Mineirão e 4 a 1 no Paraguai.

Times vêm de vitórias

Se o Galo venceu o Tombense por 3 a 0, sábado, no Independência, pelo duelo de ida das semifinais do Campeonato Mineiro, o adversário também vem de vitória. Também no sábado, o Cerro Porteño bateu o Olimpia por 2 a 0 no clássico pelo Campeonato Paraguaio.

Cuca de volta

Será a primeira partida de Cuca comandando o time atleticano à beira do gramado. Nas duas primeiras rodadas, o treinador teve que cumprir suspensão imposta pela Conmebol pela expulsão na final da edição 2020 do torneio, quando o técnico dirigia o Santos.

Retornos de titulares e desfalques no Galo

Em relação ao time que venceu o Tombense por 3 a 0, sábado, no Independência, pelo duelo de ida das semifinais do Campeonato Mineiro, o técnico Cuca vai promover os retornos de alguns jogadores que foram poupados.

Mariano pode voltar na lateral-direita, apesar de Guga também ter chance de seguir na equipe. Na zaga, Igor Rabello deve ganhar a posição de Réver. Na lateral-esquerda, Arana também deverá retornar na vaga de Dodô.

No meio-campo, sem poder contar com Zaracho, lesionado, e Nathan, suspenso, Cuca deve optar por manter Tchê Tchê, mesmo com os erros do jogador contra Tombense e América de Cali-COL, ao lado de Allan e Nacho Fernández, que retoma seu lugar na armação.

No ataque, Keno deve recuperar a posição no lado esquerdo. Savarino será mantido na direita. Destaque nos dois últimos jogos com três gols e duas assistências, Hulk seguirá como o centroavante.

Utilizado nos minutos finais contra o Tombense, o atacante Diego Tardelli deve ser relacionado para ficar como opção no banco. O jogador se recuperou de lesão muscular na coxa direita precisa “mostrar serviço”, já que tem contrato até o fim deste mês.

Outro que se recuperou de lesão muscular na coxa direita, o volante Jair foi liberado do departamento médico nessa segunda-feira (3), após mais de um mês tratando do problema. No entanto, ele não deve ser relacionado para a partida contra o Cerro Porteño por conta do tempo em que ficou parado.

Mudanças no Cerro

Para o jogo contra o Galo, os paraguaios farão mudanças no time que venceu o Olimpia. Uma delas será no gol: ex-Atlético-GO e São Paulo, Jean retorna à equipe. No meio-campo, Enzo Giménez substitui o outro brasileiro do elenco: Mateus Gonçalves. A dúvida está no ataque: o jovem Robert Morales será o titular ou o experiente Mauro Boselli, ex-Corinthians, começa a partida?

Atlético x Cerro Porteño

Atlético: Everson; Mariano (Guga), Igor Rabello, Junior Alonso e Guilherme Arana; Allan, Tchê Tchê e Nacho Fernández; Keno, Savarino e Hulk. Técnico: Cuca

Cerro Porteño: Jean; Espinola, Juan Patiño, Alexis Duarte e Arzamendia; Enzo Giménez, Mathias Villasanti, Ángel Cardozo, Carrizo e Claudio Aquino; Robert Morales (Boselli). Técnico: Francisco Arce

Motivo: 3ª rodada – Grupo H da Copa Libertadores

Data: 4 de maio de 2021, terça-feira, às 19h15

Local: Estádio Mineirão, em Belo Horizonte

Árbitro: Nestor Pitana (ARG)

Auxiliares: Ezequiel Brailovsky (ARG) e Gabriel Chade (ARG)