tia lili topo
Time voltou a domina

Apesar do empate, Sampaoli celebra volta do ‘protagonismo’ do Galo em um jogo

Treinador ficou contente com domínio da equipe e disse que Atlético foi “extremamente superior”

12/01/2021 08h57
Por: Ricardo Chaves

Por Itasat

O técnico Jorge Sampaoli gostou da postura do Atlético, mesmo com o empate por 2 a 2 com o Red Bull Bragantino, no estádio Nabi Abi Chedid. Com o resultado, o Galo deixou escapar a oportunidade de encostar no líder São Paulo. Para o treinador, o time alvinegro voltou a ser “protagonista” em uma partida ao ser mais incisivo no ataque, característica da equipe no início do Campeonato Brasileiro que ele tentava resgatar.

“Hoje ficou muito perto do que eu busco. A atitude de protagonismo do time foi o mesmo do início ao fim da partida. Claro que há correções a serem feitas, mas hoje o time foi extremamente superior como visitante contra um rival que, sem dúvidas, era muito perigoso para nós. Eu valorizo isso. É um crescimento em relação aos jogos anteriores”, disse.

O Galo perdia o jogo até os 50 minutos do segundo tempo, quando Guilherme Arana caiu dentro da área do Bragantino. O árbitro não marcou pênalti, mas o VAR chamou a atenção do juiz, que foi até o monitor rever a jogada e decidiu mudar de opinião. Hyoran converteu a penalidade e empatou o jogo.

Mesmo com o domínio maior sobre o adversário, o Atlético sofreu defensivamente. O Bragantino pouco chegou ao gol de Everson, mas quando o fez acabou marcando dois gols, ambos de cabeça em bolas alçadas na área: um após cruzamento e outro depois de um escanteio.

Sampaoli afirmou que, diante de tal domínio, o Atlético não poderia ter saído com a derrota. “Hoje o time tinha um gramado muito difícil, com um rival que jogou muito bem contra Palmeiras e São Paulo aqui. E o Atlético dominou o jogo buscando a partida durante os 90 minutos. O rival se encontrou com dois gols em momentos inesperados, mas o nosso time buscou de todos os lados a possibilidade de empatar ou de ganhar”, ressaltou.