Principal 1
novo super
Sete Lagoas
Principal 4
Anuncio ramises
Principal 2
Principal 5
Principal 3
Novo Sete
Principal 6
Reforçado

Atlético busca vingança contra o Fortaleza

No primeiro turno, time de Vojvoda derrotou o Galo no Mineirão

12/09/2021 09h19
Por: Ricardo Chaves

Por Itasat

O Atlético se tornou um time difícil de ser batido no Brasileirão. Mas neste domingo, às 16 horas, na Arena Castelão, reencontra o Fortaleza, rival que impôs uma das três derrotas que sofreu na competição. Invicta há 11 jogos no torneio, a equipe mineira busca se vingar do adversário cearense pelo revés na rodada inicial.

Naquela partida, o Atlético estreou com revés por 2 a 1 para o Fortaleza. De lá para cá, muita coisa mudou. O time de Cuca se acertou, chegou a emendar oito vitórias consecutivas e lidera o Brasileirão com 39 pontos, quatro a mais que o vice-líder Palmeiras, e a seis do rival deste domingo, o terceiro colocado

O Atlético não perde desde 27 de junho, quando caiu para o Santos por 2 a 0, na Vila Belmiro, lidera Brasileirão e está vivo na Copa do Brasil e na Libertadores. Portanto, busca ter uma temporada vitoriosa e que pode ser histórica. O título do Brasileiro não vem desde 1971, ano em que conquistou seu único título do torneio nacional.

"Sei que faz muito tempo que o Galo não consegue o Brasileirão, e a torcida está muito entusiasmada com esse campeonato. Mas nós queremos ganhar todos. Estamos preparados tanto na Libertadores, como no Brasileirão e na Copa do Brasil", disse o argentino Nacho Fernández.

O Atlético contará com o retorno dos selecionáveis para se vingar dos cearenses. Cuca recebeu de volta Everson, Arana e Hulk, que defenderam a seleção brasileira na rodada tripla das Eliminatórias, além de Junior Alonso, Alan Franco, Savarino e Eduardo Vargas, que serviram Paraguai, Equador, Venezuela e Chile, respectivamente. Os estrangeiros se reapresentaram no sábado.

O trio que estava com a seleção brasileira inclusive antecipou o retorno, voltando a Belo Horizonte na sexta-feira. Dos três, apenas Hulk jogou alguns minutos nas Eliminatórias, diante do Peru. De todos que foram convocados, apenas Savarino deve ser desfalque. Com dores na virilha, o venezuelano foi substituído aos 19 minutos do primeiro tempo da derrota por 2 a 1 para o Paraguai, em Assunção, e sua presença no duelo no Ceará é praticamente descartada.

Já Diego Costa, depois de marcar em sua estreia, pode até aparecer entre os titulares. O atacante usou o período sem jogos para aprimorar a forma física. Com a provável ausência de Savarino, Keno também pode ser uma novidade.

DÚVIDAS

O técnico Juan Vojvoda tem inúmeras dúvidas para escalar o Fortaleza e tentar colocar um ponto final na sequência negativa de cinco jogos sem vitórias dentro do Campeonato Brasileiro.

Recuperado de lesão, Felipe Alves está à disposição. Ou seja, Vojvoda terá que decidir se voltará a utilizar o seu antigo titular ou se continuará dando oportunidade para Marcelo Boeck. Na defesa, Marcelo Benevenuto briga por posição com Jackson, enquanto Lucas Lima flerta ansiosamente com uma chance entre os titulares.

Além de Lucas Lima, outros reforços estão à disposição do treinador e foram liberados pelo preparador físico do clube, Adrián Vaccarini. São eles: Edinho, Angelo Henriquez e Valentín Depietri, todos devem ficar entre os suplentes.

"A gente vem numa sequência de resultados não tão bons, então voltar a vencer, por si só, já é bom para o grupo. E automaticamente as coisas vão voltar a acontecer. É um jogo muito importante, então vamos com tudo para buscar os três pontos", ressaltou Matheus Jussa.

A vitória é de suma importância para o Fortaleza, uma vez que briga pela liderança do Brasileirão. O time tricolor tem 33 pontos, mas um jogo a mais do que seus principais concorrentes ao tão sonhado título nacional.