Dinheiro por Jóias
Digital Graph
Ótica Pontual
Cartão de Todos
Chama!!!
Auto Rodas
Arnaldo Radiadores
Torneamento São Geraldo
Sicoob
Escritório Jucema
Motociclista use capacete
Almix
Locmaqfer
Helton Vidro Car
Evite Queimadas!
Casa da Arte
Cooperlíder Proteção Veicular
IPTU PRORROGADO
Homeopatia São Lucas
Ramses
Otica Santa Luzia
Breno Campolina
Ronaldo Cardans
Ótima
Quality Ópticas
Forte Vidros
Loctem
minas e energia

Com aval de Bolsonaro, novo ministro de Minas e Energia quer avançar para privatizar a Petrobras

Adolfo Sachsida afirmou ainda que finalizar o processo de capitalização da Eletrobras está entre as prioridades

13/05/2022 09h34
Por: Redação

Por Itasat

Escolhido para o lugar de Bento Albuquerque, o novo ministro de Minas e Energia afirma que vai pedir estudos para a privatização da Petrobras. Adolfo Sachsida assumiu o cargo nessa quarta-feira (11), em meio à tensão causada pela escalada no preço dos combustíveis. 

No primeiro pronunciamento, ele evitou, no entanto, falar sobre as recentes altas, principalmente do diesel. Segundo o novo ministro, todas as propostas em estudo contam com o apoio de Jair Bolsonaro (PL). "Deixo claro que essa meta, esse é o objetivo e esse norte foram expressamente apoiados pelo presidente Jair Bolsonaro. Tudo que eu estou falando aqui tem o aval e o apoio de 100% do presidente da República. 

Adolfo Sachsida afirmou ainda que entre as prioridades do Ministério de Minas e Energia está o processo de capitalização da Eletrobras. “Nós precisamos dar prosseguimento ao processo de capitalização da Eletrobras. Sinal importante para atrair mais capitais para o Brasil e mostrar ao mundo de maneira definitiva que o Brasil é o porto seguro do investimento. 

O ministro também citou a necessidade de aprovação de medidas estruturais: “Melhorar os marcos legais e trazer mais segurança jurídica para o investimento privado abordar cada vez mais o Brasil aumentando a produtividade e nossa economia. E, com isso, expandindo a oferta agregada, o emprego e a renda de todo brasileiro”.