Breno Campolina
Cooperlíder Proteção Veicular
Homeopatia São Lucas
Sicoob
Ótima
Quality Optcas
Arnaldo Radiadores
Loctem dois
Chama!!!
Auto Rodas
Espetbet
Forte vidros dois
Espetbet três
Espetbet dois
Casa da Arte
Espetbet 1
Dinheiro por Jóias
Agrotop Novo
Ótica Pontual
Torneamento São Geraldo
Escritório Jucema
Ramses
Otica Santa Luzia
Clinica Dois
Digital Graph
Carioca
Espetbet 4
Espetbet 6
duelo na Libertadore

Hulk tenta acabar com jejum de cinco jogos para se tornar o maior artilheiro do Atlético na Libertadores

Atacante terá nova chance de balançar as redes no duelo contra o Palmeiras, nesta quarta-feira, no Mineirão

03/08/2022 08h26
Por: Redação

Com Itasat

Há cinco jogos sem marcar gol, o atacante Hulk amarga o seu terceiro pior jejum com a camisa do Atlético. Nesta quarta-feira, no Mineirão, o camisa 7 terá uma nova chance de balançar as redes no jogo contra o Palmeiras, pelo duelo de ida das quartas de final da Copa Libertadores.

Caso marque contra o Palmeiras, Hulk se tornará o maior artilheiro do Atlético na história da Libertadores superando Jô, campeão do torneio continental pelo Galo em 2013.

Hulk acumula 11 gols na Libertadores em 20 jogos (média de 0,55 por partida). O atacante alvinegro fez oito na edição do ano passado e outros três nesta temporada.

Enquanto isso, Jô marcou 11 gols em 25 duelos (média de 0,44). Foram sete em 2013, quando terminou com o artilheiro do torneio, e outros quatro em 2014.

Além de fazer as pazes com as redes, Hulk tenta voltar a marcar gol com bola rolando após oito jogos. A última vez foi na vitória por 2 a 1 sobre o Flamengo, no Mineirão, pelo duelo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil, quando o atacante fez de cobertura sobre o goleiro Diego Alves.

Os dois últimos gols de Hulk foram em cobranças de pênalti: na vitória por 1 a 0 sobre o Emelec-EQU, no Mineirão, pela Libertadores, e no triunfo por 2 a 1 diante do Juventude, em Caxias do Sul, pelo Campeonato Brasileiro.

Se não marcar contra o Palmeiras nesta quarta-feira, Hulk igualará a sua segunda pior sequência com a camisa do Atlético, quando ainda estava se acostumando ao futebol brasileiro e ficou seis jogos sem balançar as redes em abril de 2021, pouco depois de chegar ao clube.

Maiores goleadores do Atlético na Libertadores:

Hulk – 11 gols / 20 jogos / 0,55 (média)

Jô – 11 gols / 25 jogos / 0,44 (média)

Guilherme – 9 gols / 10 jogos / 0,90 (média)

Cazares – 8 gols / 23 jogos / 0,34 (média)

Lucas Pratto – 7 gols / 16 jogos / 0,43 (média)

Fred – 6 gols / 9 jogos / 0,66 (média)

Diego Tardelli – 6 gols / 23 jogos / 0,26 (média)