Espetbet três
Forte vidros dois
Carioca
Torneamento São Geraldo
Espetbet dois
Escritório Jucema
Clinica Dois
Espetbet 6
Chama!!!
Breno Campolina
Loc moral 3
Espetbet 4
Auto Rodas
Sicoob
Espetbet
Cooperlíder Proteção Veicular
Digital Graph
Otica Santa Luzia
Espetbet 1
Agro loc
Arnaldo Radiadores
Ronaldo Cardans
RR 2023 02
Homeopatia São Lucas
RR MÍDIA 3
Loc moral
Ramses
Agrotop Novo
Loctem dois
Ótima
Ótica Pontual
Minas Gerais

Bombeiros alertam população para risco de afogamento

Férias e verão aumentam ocorrências em rios, cachoeiras e piscinas; atenção e prudência são fudamentais  

16/01/2023 16h50
Por: Redação
Fonte: Secom Minas Gerais
CBMMG / Divulgação
CBMMG / Divulgação

Ocorrência mais comum do que as pessoas imaginam, os afogamentos têm sido um dos chamados recorrentes do Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CBMMG) durante este período de férias e verão.  

Somente nesse domingo (15/1), a coorporação atendeu diversas ocorrências envolvendo afogamento no estado. Ao todo, foram oito chamadas, com seis óbitos registrados, além de duas crianças ainda desaparecidas.

No ano passado, o Corpo de Bombeiros de Minas Gerais registrou 261 mortes por afogamento,129 nos fins de semana, quando a população procura se divertir em banhos de rio, lagoa, cachoeira e piscina.

A coorporação destaca uma série de cuidados básicos e fundamentais para que ninguém corra riscos ou exponha a si e aos outros a situações de perigo enquanto aproveita os dias de calor em um programa aquático.  

Veja dicas: 

•    Procure um local conhecido por você ou por outra pessoa;
•    Prefira estar sempre acompanhado;
•    Atente-se às observações dos locais;
•    Não entre em locais onde há avisos de perigo de morte ou em águas poluídas;
•    Procure sempre local em que exista a presença de guarda-vidas ou do Corpo de Bombeiros;
•    Evite fazer uso de bebidas alcoólicas antes de entrar na água;
•    Fique sempre ao alcance de alguém;
•    Evite saltos e não faça brincadeiras de mau gosto ("caldos", "trotes");
•    Não tente salvar pessoas que estejam se afogando sem estar devidamente habilitado. Ao invés do contato direto, busque sempre algum tipo de flutuador para tirar alguém da água;
•    Jamais deixe crianças sozinhas, mesmo na margem de lagos, rios, piscinas;
•    Em embarcações, use sempre coletes salva-vidas;
•    Somente conduza embarcações se for habilitado para tal.