Principal 1
Principal 6
novo super
unifem novo
Principal 2
Principal 4
Anuncio ramises
Principal 5
Principal 3
BUENOS AIRES

Sede do jornal argentino Clarín, em Buenos Aires, é atacado com coquetel Molotov

Câmeras de segurança mostram momento em que grupo de nove pessoas atiram as bombas contra uma das portas do prédio do jornal

24/11/2021 11h09
Por: Redação

Por Itasat

A sede do jornal argentino Clarín, foi atacada em Buenos Aires, na noite dessa segunda-feira (22). Câmeras de monitoramento de um edifício localizado próximo ao prédio do jornal flagraram o momento em que um grupo de nove pessoas, todas encapuzadas, atiram coquetéis Molotov em direção à porta da empresa. A ocorrência foi registrada por volta das 23h. 

De acordo com o periódico, cerca de oito bombas foram lançadas contra a porta do edifício, provocando um princípio de incêndio. Uma das garrafas embebidas com combustível não explodiu e foi recolhida pelas autoridades policiais. 

Em comunicado, o grupo Clarín disse lamentar e condenar o fato e que, a primeira vista, se trata de uma "expressão violenta de intolerância contra um meio de comunicação. A empresa disse, ainda, que aguarda o esclarecimento urgente dos fatos, junto com a punição dos responsáveis. 

Quem também se manifestou sobre o episódio foi o presidente da Argentina, Alberto Fernández. Em uma rede social, ele disse repudiar o ataque e que "a violência sempre altera a convivência democrática". 

"Esperamos que os fatos sejam esclarecidos e que os autores sejam identificados a partir da investigação, que está em curso", escreveu.