Distribuidora Ribeiro
Banner Home
tensão

Investigadora da Polícia Civil faz funcionários do Hospital da Baleia como reféns na madrugada desta 4ª feira

A mulher, que não teve a identidade revelada, queria ver o corpo do irmão que faleceu vitima da covid-19

08/07/2020 11h33
Por: Ricardo Chaves

Por Itasat

Uma investigadora da Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) fez funcionários do Hospital da Baleia reféns na madrugada desta quarta-feira (8), em Belo Horizonte, segundo informações repassadas por parentes dos funcionários. A mulher, que não teve a identidade revelada, queria ver o corpo do irmão que faleceu vítima da covid-19.

De acordo com a PCMG, ela foi conduzida à delegacia e assinou um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) pelo crime de constrangimento ilegal e deverá comparecer a uma audiência junto ao Poder Judiciário. 

Em nota, a Polícia Civil afirmou que "não compactua com esse tipo de ação e irá instaurar uma sindicância administrativa para apuração de eventuais infrações disciplinares e a investigadora será encaminhada para avaliação psiquiátrica".