Ramses de castro
Apenas aos 27 anos

Há 50 anos, morria Janis Joplin, referenciada como a 'Rainha do Rock and Roll'

Cantora é a mulher mais marcante da geração Flower Power, famosa na década de 60

05/10/2020 13h40
Por: Ricardo Chaves

Por Itasat

Há exatos 50 anos atrás, no dia 4 de outubro de 1970, morria Janis Lyn Joplin, mulher mais marcante da geração Flower Power do Rock and Roll, a geração Hippie, tão famosa na década de 60, especialmente nos Estados Unidos.

Numa overdose regada a álcool e heroína, a cantora morria aos 27 anos. Janis Joplin era considerada por muitos a rainha do Rock and Roll, inclusive inserida na lista dos 100 maiores artistas de todos os tempos, da revista Rolling Stone. Nascida no dia 19 de janeiro de  1943, no Texas, vinda de uma família conservadora, Janis achou sua veia musical na Califórnia, onde sua voz rouca encontrou no Blues seu porto seguro.

Logo depois, a cantora enveredou-se para o rock psicodélico da época, sendo vocalista na banda Big Brother and the Holding Company, lançando sucessos como a música Summertime e Piece Of My Heart. Em sua curta e insana jornada de vida, colecionando amores efêmeros, Janis Joplin conheceu o Brasil, depois de assistir ao filme Orfeu Negro, uma produção ítalo-brasileira. Ela apaixonou-se pelo carnaval e veio com uma amiga para o Rio de Janeiro, depois seguiu para Salvador, na Bahia, apresentando para muitos brasileiros o Top Less, que consistia em curtir a praia apenas com a parte de baixo do biquíni.

Como outro fator de destaque durante a curta e intensa vida de Janis Joplin, a cantora teria tido um relacionamento com o cantor Serguei, famoso cantor e compositor brasileiro. Se estivesse viva, Janis Joplin teria hoje 77 anos.