Ramses de castro
Presidente do TSE

Barroso reforça pedido para que candidatos e eleitores sigam alertas para evitar a covid-19

"Não queremos que as eleições sejam um foco de pico da doença”

30/10/2020 09h01
Por: Ricardo Chaves

Por Itasat

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Luís Roberto Barroso, reforçou o pedido para que candidatos, eleitores e membros dos Tribunais Regionais Eleitorais sigam todas as recomendações sanitárias a fim de evitar o contágio pelo novo coronavírus.

“Estamos pedindo a candidatos e à população [em geral] que sigam as recomendações sanitárias do Tribunal Superior Eleitoral, pois, seguindo-as, o risco de contaminação é mínimo. Não queremos que as eleições sejam um foco de pico da doença”, disse Barroso durante a sessão plenária da Corte, ontem (29).

Barroso afirmou que ligou para presidentes de Tribunais Regionais a fim de enfatizar a necessidade de cuidados durante a campanha eleitoral e no dia da eleição para a escolha dos futuros prefeitos e vereadores, marcada para o próximo dia 15.

“A boa notícia é que, confirmando a previsão dos médicos que prestaram consultoria ao TSE, o número de casos da covid-19 caiu expressivamente na quase totalidade dos estados brasileiros, mas o alerta importante é que a pandemia continua em curso e todos os cuidados devem ser mantidos pela população, pelos candidatos e eleitores”, comentou Barroso.

“Deve-se evitar aglomerações, só fazer as reuniões quando necessário e em ambientes abertos, guardando a distância social de ao menos 1 metro, se possível 2 metros. E sempre usando máscara”, acrescentou o ministro.

Até quarta (28), o país totalizava pouco mais de 5,4 milhões de casos confirmados do novo coronavírus, cujo primeiro caso, no Brasil, foi confirmado pelo Ministério da Saúde no fim de fevereiro deste ano. Desde então, 158.456 pessoas morreram em decorrência das complicações da doença. Entre a terça-feira (27) e quarta (28), o Ministério da Saúde confirmou 28.629 novos casos confirmados e 510 mortes.