Principal 2
Principal 5
Principal 4
Covid Sete Lagoas
Principal 6
Principal 1
Principal 3
Condenado em 2019

Traficante colombiano procurado pela Interpol é preso no Rio de Janeiro

Acusado de integrar o Cartel de Medellín, o homem, de 36 anos, estava na lista da Difusão Vermelha

03/05/2021 11h33
Por: Ricardo Chaves

Por Itasat

Policiais federais prenderam na manhã deste domingo (2), um traficante de drogas colombiano que estava foragido, morando na cidade de Duque de Caxias, na região metropolitana do Rio de Janeiro. Acusado de integrar o Cartel de Medellín, o homem, de 36 anos, estava na lista da Difusão Vermelha da Interpol.

Segundo a Polícia Federal, o colombiano foi condenado em 2019 pelo crime de tráfico internacional de drogas e associação criminosa para o tráfico envolvendo remessas da cidade de Medellin, na Colômbia, para a Flórida, nos Estados Unidos, entre os anos de 2015 a 2016.

Quando já era considerado foragido, o homem ainda recebia “vultosa quantia de dinheiro” pela coordenação da logística da compra, venda e transporte de cocaína, morfina, heroína e metanfetamina, de acordo com autoridades dos Estados Unidos, informou a PF, em nota.

“O Pedido de Prisão Preventiva para fins de Extradição foi formulado pelo Escritório Central Nacional da Interpol em Brasília/DF com base nas informações da Difusão Vermelha incluídas pelas autoridades da Flórida, EUA”, comunica a nota dos agentes federais.

Policiais federais lotados no Núcleo de Cooperação Policial Internacional (Interpol/RJ), com apoio da equipe de agentes lotados na Delegacia de Repressão a Entorpecentes (DRE/PF) e do Centro de Cooperação Policial Internacional do RJ conseguiram localizar e prender o colombiano dentro de casa.

O Mandado de Prisão Preventiva para fins de Extradição foi expedido pelo Supremo Tribunal Federal. O preso, que não teve sua identidade divulgada, cumprirá prisão no Rio de Janeiro até sua extradição definitiva para os Estados Unidos.