Novo Sete
Principal 2
Principal 5
Anuncio ramises
Sete Lagoas
Principal 3
Principal 4
Principal 1
Principal 6
novo super
Clube-empresa

Cruzeiro: em edital para votação do Conselho, clube define pontos para implantação da SAF

Data da reunião extraordinária foi adiada mais uma vez; agora para o dia 3 de agosto

20/07/2021 10h04
Por: Ricardo Chaves

Por Itasat

Após reunião na manhã desta segunda-feira com membros da diretoria do Cruzeiro, o presidente do Conselho Deliberativo, Nagib Simões, enviou aos conselheiros o edital de convocação para a reunião extraordinária que votará pela aprovação ou não da transformação do clube em Sociedade Anônima do Futebol (SAF). O encontro foi adiado mais uma vez: agora será dia 3 de agosto (terça-feira), de 18h30 às 20h30, no Parque Esportivo do Barro Preto. Antes estava marcado para 27 de julho e tinha sido passado para 2 de agosto.

No edital, o clube celeste traça os pontos de como se dará a implantação da SAF. O Cruzeiro será dividido em dois CNPJs: a associação esportiva e os eventuais investidores. A ‘Associação Cruzeiro’ será detentora de 100% do capital social da Sociedade Anônima mantendo os ativos intangíveis, como por exemplo, os direitos desportivos e propriedade intelectual, que estão sendo avaliados economicamente.

Será permitida a alienação de 49% do capital social a eventuais investidores, “fundamentada em avaliação de mercado realizada por empresa multinacional especialmente contratada para este fim, nos termos da legislação de regência, do estatuto da futura SAF, respeitado os ditames do Art. 1º, § 5, do Estatuto do Cruzeiro Esporte Clube”.

Com a criação da SAF, o Cruzeiro poderá contar com pessoas físicas, jurídicas e fundos de investimentos para participar da gestão, levantando recursos por meio da emissão de ações na Bolsa de Valores (B3), debêntures, títulos ou valor mobiliário. Tudo será regulado pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

Imóveis e signos do clube

Os bens imóveis do clube permanecerão na propriedade do Cruzeiro, assim como as instalações das Tocas I e II, que poderão ser alugadas, arrendadas, cedidas em comodato ou quaisquer outras relações comerciais da espécie, conforme descrito no edital.

Os signos do Cruzeiro também serão preservados, como o nome do clube, a marca, os símbolos (escudo e cores) e a sede.

Votação presencial e remota

Devido à pandemia da covid-19, a votação será feita de forma presencial e remota. Os conselheiros que não quiserem comparecer ao Parque Esportivo do Barro Preto poderão votar pela internet por meio de um link disponibilizado pelo clube.

Projeto aguarda sanção do presidente da República

O Projeto de Lei que autoriza a criação da Sociedade Anônima do Futebol (SAF) foi aprovado no Senado Federal e na Câmara dos Deputados. Agora, o texto será encaminhado para a sanção do presidente da República Jair Bolsonaro.

Com a votação no Conselho Deliberativo, o Cruzeiro está apenas se adiantando à sanção do projeto por parte de Jair Bolsonaro, o que deve ocorrer brevemente.