Escritório Jucema
Ótima
Espetbet 6
Espetbet 1
Dinheiro por Jóias
Digital Graph
Espetbet
Arnaldo Radiadores
Quality Optcas
Ramses
Sicoob
Forte vidros dois
Espetbet três
Espetbet 4
Breno Campolina
Casa da Arte
Chama!!!
Otica Santa Luzia
Auto Rodas
Carioca
Espetbet dois
Clinica Dois
Torneamento São Geraldo
Agrotop Novo
Homeopatia São Lucas
Loctem dois
Cooperlíder Proteção Veicular
Ótica Pontual
viçosa

Professor de física da UFV é suspeito de agredir alunas em sala de aula

A Universidade apura as denúncias. Pelas redes sociais o DCE da Universidade considerou o caso como assédio moral, lesão corporal e censura

03/08/2022 08h39
Por: Redação

Com Itasat

Um professor do departamento de física da Universidade Federal de Viçosa (UFV), na Zona da Mata, é acusado de assédio moral, lesão corporal e censura que teriam sido praticadas contra alunas em sala de aula. Conforme relatos nas redes sociais, a confusão ocorreu durante as eleições para o Diretório Central dos Estudantes (DCE) em que o professor teria empurrado e puxado para fora da sala duas alunas. O episódio ocorreu no dia 29 de julho.

O DCE se manifestou e relatou que as agressões aconteceram após uma discussão política com um professor sobre a conjuntura política e "quando foram interpelados pelo professor, os mesmos entraram em debate, que culminou com a tentativa, à força, do referido professor em expulsar os alunos de sua aula. Será aberta uma sindicância, e também um PAD (Processo Administrativo) para averiguar o caso."

A Universidade Federal de Viçosa (UFV) divulgou, nessa terça-feira (2), nota oficial e afirma que já está em andamento a apuração da denúncia envolvendo o professor e alunos da universidade. A situação foi relatada à Reitoria da instituição na última sexta-feira (29).

Conforme a UFV, os estudantes foram orientados a formalizar denúncia perante a Unidade Seccional de Correição (USC), "indicando os elementos de prova que, eventualmente, possuam. Esclareceu-se que, se presentes os requisitos legais, será instaurado procedimento correcional destinado à apuração regular e imparcial dos fatos."

Por fim, a UFV afirma que repudia qualquer forma de violência "dentro ou fora da instituição, e que seguirá atuando no sentido de garantir o bem-estar de toda a comunidade universitária."

Nota da UFV

A Reitoria da Universidade Federal de Viçosa se dirige à comunidade universitária para prestar informações e esclarecimentos sobre a notícia, divulgada na mídia, de agressão cometida por docente da UFV contra estudantes, em sala de aula, na última sexta-feira (29).

Neste mesmo dia, dois estudantes, que se apresentaram como vítimas da agressão, e outros, como testemunhas, procuraram a Reitoria para relatar os fatos ocorridos. Imediatamente após tomar conhecimento da situação, a Administração Superior da UFV informou sobre os procedimentos a serem tomados, em total conformidade com o disposto na Lei 8112/90, artigo 116, que rege sobre os deveres do servidor público no exercício de sua função. Assim, os estudantes foram orientados a formalizar denúncia perante a Unidade Seccional de Correição (USC), indicando os elementos de prova que, eventualmente, possuam. Esclareceu-se que, se presentes os requisitos legais, será instaurado procedimento correcional destinado à apuração regular e imparcial dos fatos.

A Administração Superior da UFV não se omite diante da necessidade de apuração e investigação de quaisquer fatos que, nas dependências dos campi universitários, atentem contra os princípios que regem a gestão pública. Nesse sentido, jamais nos desviaremos das condutas inerentes à boa governança, dentre as quais é necessário destacar o absoluto respeito aos princípios constitucionais do contraditório e da ampla defesa, pois sem o devido processo legal não pode existir democracia.

Por fim, é essencial destacar que a UFV repudia qualquer forma de violência, dentro ou fora da instituição, e que seguirá atuando no sentido de garantir o bem-estar de toda a comunidade universitária.