Chama!!!
Patente
RR MÍDIA 3
RR 2023 02
Giro Luvas
Tecnologia

WeClever melhora resultados com novo posicionamento

Com mais de 96% em satisfação do cliente, a empresa de inteligência conversacional só cresce desde a fundação

16/05/2024 18h52
Por: Redação
Fonte: Agência Dino
Divulgação
Divulgação

No fim de 2023, a WeClever foi reconhecida internacionalmente como destaque na categoria “IA para E-commerce” pelo relatório da Latitud, referência em investimentos em tecnologia. Mais do que uma conquista, isso reflete o novo momento da startup que, desenvolvendo novas soluções e evoluindo sua própria inteligência conversacional, passa a se posicionar como plataforma SaaS. 

Focada em gerar insights estratégicos ao engajar leads em jornadas de conversas humanizadas e escaláveis, a plataforma, mesmo com a virada de chave, não deixou de alcançar resultados e segue crescendo desde a fundação. Em 2023, registrou mais de 200 mil conversas finalizadas, totalizando um ROI de R$ 130 milhões para seus clientes.

Somente em 2023, foram mais de 4 milhões de pessoas impactadas pelas experiências via linguagem natural da solução. A tecnologia utilizada demonstra seu efeito positivo ao alcançar uma média CSAT de 96%, enquanto a média do mercado, que é de 70%.

Principais cases de sucesso

Com atuação nos setores varejista, financeiro e educacional, a startup apresentou recentemente um case em que desenvolveu uma jornada personalizada para prevenir o aumento da taxa de churn de um grande player financeiro. Inicialmente, a ação lidava com apenas 20% dos contatos. Em pouco tempo, esse cenário foi revertido, sendo a responsável por 80% dos atendimentos exclusivamente realizados pela sua própria  plataforma. Além disso, as conversas alcançaram uma impressionante retenção de 38%, superando a média do mercado de 9%, e elevando a lucratividade do cliente.

“Cada interação é uma oportunidade de extrair insights valiosos que mostram os padrões de comportamento, as principais dores e as intenções recorrentes do seu público. Aproveitando essas informações, é possível traçar estratégias mais assertivas, contornar objeções e aumentar a retenção de clientes”, explica Rodolfo Reis, CEO da WeClever.

Como outro grande exemplo da plataforma, aparecem as ações realizadas com um dos maiores clubes de assinatura do Brasil, personalizando jornadas estratégicas para upsell. “Nossos agentes conversacionais mostram aos clientes finais do nosso parceiro os benefícios e diferenciais de contratar uma versão mais completa e de maior valor de um produto ou serviço. Foi assim que aumentamos o ticket médio da marca em mais de R$500 mil, por meio da rentabilidade dos mais de 11.900 de upgrades realizados, trocando o plano para uma categoria acima ou adicionando produtos na mensalidade já contratada”, relata o executivo.

 “Além disso, a expectativa de receita gerada em ações de refidelização de pacotes anuais ultrapassou os R$9 milhões. Com mais de 6.000 clientes renovando seus planos por mais 12 meses, a ação gerou uma diminuição efetiva na taxa de churn e, combinando o impacto financeiro com as ações de upsell e aquisição, o resultado financeiro do cliente em 2023 foi superior a R$20MM através da nossa plataforma. Segundo Kotler, reter um cliente custa de 5 a 7 vezes menos do que conquistar um novo".

Para este ano, a empresa espera dobrar a base de clientes. “Nossa principal missão é seguir ajudando as empresas a entenderem e desbloquearem todo o potencial de receita existente em suas bases, explorando todo o valor escondido entre as conversas e assim, resultando em dados analíticos que geram insights estratégicos de negócio”, finaliza Rodolfo.

IA de Recrutamento

A adoção de inteligência artificial na seleção e recrutamento de candidatos não é mais novidade. A tecnologia já é utilizada por departamentos de gestão de pessoas em todas as etapas, desde a triagem de currículos ao teste de conhecimento até na organização e validação de documentos após a aprovação. 

A WeClever desenvolveu uma jornada personalizada para o momento mais crucial dos processos seletivos: o primeiro contato entre candidato e empresa, a fim de reduzir o número de contratações equivocadas. Hoje, elas representam 42% das vagas em período de experiência e 20% após isto.

Uma contratação ineficiente resulta em diversos custos adicionais, incluindo um aumento nos gastos com treinamento, uma vez que se tornam mais frequentes. Segundo a Undercover Recruiter, o custo para a empresa pode ser de 1,15 a 1,4 vezes o salário base de um funcionário, considerando benefícios. 

“Acreditamos que à medida que não temos contato com fatores pessoais de um candidato, como gênero, raça e idade, isolamos o maior número de vieses possíveis e identificamos as pessoas que mais aderem a nossa cultura apenas pelas experiências e habilidades. O mais valioso neste processo é coletar os insights que a IA é capaz de gerar e, ao trazer isso para o RH, garantir que seja um processo justo, transformando também a forma como se candidata hoje no Brasil”, coloca Marcelo Colleoni, CHRO da WeClever.

Com essa mudança proposta, o candidato começaria sua jornada através da interação com a Inteligência Artificial, cujos objetivos são: avaliar o candidato, profissional e pessoalmente e também responder as perguntas sobre a vaga e a WeClever. Esse trajeto a ser seguido nas contratações além de auxiliar na seleção dos candidatos com o perfil mais adequado à vaga e a à cultura da empresa, aperfeiçoam a ferramenta para experiências e qualificações futuras.