Principal 3
Prefeitura Sete Lagoas home
Principal 2
Principal 1
Principal 5
Principal 6
Principal 4
encostar no líder

‘Rodada de fogo’: melhor e pior cenários para Galo nos duelos do G6 no meio desta semana

Atlético (3º) visita Grêmio (6º), enquanto São Paulo (1º) recebe o Inter (2º) e o Flamengo (4º) encara Palmeiras (5º)

19/01/2021 08h40
Por: Ricardo Chaves

Por Itasat

Após reduzir de seis para quatro pontos a distância para o líder São Paulo no último fim de semana, o Atlético terá agora um desafio complicado para tentar diminuir ainda mais a desvantagem para o Tricolor. Em uma “rodada de fogo”, em que todos os integrantes do G6 do Campeonato Brasileiro se enfrentarão, o Galo visitará o Grêmio, sexto colocado, em Porto Alegre, nesta quarta-feira (20), às 19h15.

Na sequência, às 21h30, o líder São Paulo e o vice-líder Internacional se enfrentam no Morumbi. Já na quinta-feira, às 19h, será a vez do Flamengo, quarto colocado, receber o Palmeiras, quinto, no Mané Garrincha, em Brasília.

Fazendo um exercício de pensamento extremista (para o bem e para o mal), o Atlético poderá ver a rodada ser fechada com um cenário bem favorável ou, pelo contrário, muito ruim.

Melhor cenário para o Atlético

Na projeção mais otimista, o Galo terminaria a 31ª rodada ainda na terceira colocação (56 pontos), dois atrás do São Paulo e a um do Inter, mas com um jogo a menos que a dupla – a partida adiada contra o Santos, pela 28ª rodada, que será disputada dia 26 de janeiro, no Mineirão. Além disso, o time abriria três pontos de vantagem para o Flamengo, quarto colocado, que tem o mesmo número de partidas que o Alvinegro.

Mas, para isso acontecer, o Atlético precisará derrubar a invencibilidade de 14 jogos do Grêmio no Brasileirão – a maior neste momento do campeonato entre os 20 clubes – e ainda torcer por empates entre São Paulo e Inter e Flamengo e Palmeiras.

Para se ter uma ideia da dificuldade que o Atlético enfrentará contra o Grêmio, a equipe gaúcha não perde em casa há 18 jogos, contando partidas do Brasileirão, Copa do Brasil e Libertadores. A última derrota foi no dia 3 de setembro do ano passado, pela sétima rodada do Brasileirão, quando o Tricolor foi superado por 2 a 1 pelo Sport. Nos últimos 11 duelos em Porto Alegre, o time comandando por Renato Portaluppi venceu dez e empatou um.

Por isso, o meio-campista Alan Franco considera a partida contra o Grêmio muito importante para as pretensões do Galo no Brasileirão.

“Agora, contra o Grêmio, vai ser uma final entre todas que teremos pela frente. Esperamos estar à altura desse compromisso. Ganhar é muito importante para seguir na luta pelo título. Temos que ser inteligentes, pois os três pontos são muito importantes para nós. Temos de fazer nosso jogo e o nosso trabalho para conseguir os três pontos”, declarou o equatoriano.

Pior cenário

Se tudo der errado para o Galo, a equipe alvinegra poderá cair para o quarto lugar no fechamento da 31ª rodada e ainda ver o São Paulo voltar a abrir sete pontos de vantagem na liderança (60 dos paulistas contra 53 dos mineiros).

Este cenário catastrófico para o Atlético aconteceria se o time for derrotado pelo Grêmio, o São Paulo vencer o Inter e se houver um vencedor no duelo entre Flamengo ou Palmeiras.

O Galo ainda estaria com um jogo a menos em relação ao Tricolor e ao Colorado e poderia ultrapassar os gaúchos em caso de vitória na partida atrasada contra o Santos. Mas ainda assim continuaria em terceiro e com quatro pontos a menos que o líder São Paulo.

Confira os duelos envolvendo os times do G6 no meio desta semana:

Grêmio x Atlético – quarta, às 19h15, na Arena do Grêmio

São Paulo x Internacional – quarta, às 21h30, no Morumbi

Flamengo x Palmeiras – quinta, às 19h, no Mané Garrincha