Anuncio ramises
banner topo
Principal 4
Principal 2
Principal 6
unifem 1
Principal 1
Principal 5
novo super
outubro rosa
Principal 3
unifem novo
Alívio para o setor

Hotéis estão chegando a 100% de lotação em Minas nos feriados e nos fins de semana

Melhora se deve ao avanço da vacinação e a expectativa é de ainda mais melhora com o fim de ano

27/09/2021 10h49
Por: Ricardo Chaves

Por Itasat

Com todas as regiões de Minas Gerais na Onda Verde do programa Minas Consciente, o setor de hotelaria vai aos poucos retornando a plena operação. Muitas unidades já estão com 100% da capacidade e algumas até com 100% de lotação. A maior procura se concentra nas cidades turísticas como as históricas Ouro Preto, São João del Rei e Diamantina, e nas cidades com cachoeiras e outras riquezas naturais como Milho Verde e aquelas no entorno da Serra do Cipó. 

Presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis, Guilherme Sanson, analisa a situação. “É perceptível que houve um aumento na demanda da ocupação dos hotéis, não só na capital, mas no interior, principalmente os hotéis que tem um apelo mais de lazer, que têm tido uma procura ainda maior pelos pacotes, pelas inclusões de alimentos e bebidas e outros benefícios que esses hotéis oferecem do que os hotéis que são direcionados mais para o público comercial, mas é nítida que com o aumento da vacinação e da segurança que as pessoas estão começando a perceber com relação a queda dos indicadores de pandemia, um aumento proporcional à procura pelos hotéis e pousadas.”

Com feriados previstos para outubro e novembro, além das festas de fim de ano, a expectativa é de alta procura em hotéis e pousadas. “Como houve um achatamento do nosso calendário, achatamento devido aos lock downs, devido as ondas que foram necessárias o governo implementar para segurar a pandemia, a gente vem percebendo que não são os feriados mas as datas que as pessoas estão podendo se programar um pouco mais aliado a vacinação vão surpreender a hotelaria, então a expectativa é que seja superior inclusive aos anos anteriores.”