Distribuidora Ribeiro
Banner Home
no pagode

Confusão em pagode termina com agente socioeducativo morto em ação da PM em aglomerado de BH

Morro da Vaca

21/09/2020 09h23
Por: Ricardo Chaves

Por Itasat

Uma confusão durante um pagode no Morro da Vaca, no bairro Jardim Filadélfia, na região noroeste de BH, terminou com o agente socioeducativo William Douglas Barbosa, de 38 anos, morto na madrugada desta segunda-feira.  

De acordo com o boletim de ocorrência (bo) da Polícia Militar (PM), William participava do pagode no aglomerado e teria flertado com uma moça, que disse não. Ainda conforme a PM, o agente teria ficado alterado e sacado uma pistola ponto 40. Cerca de 200 pessoas estavam no pagode. Houve correria e a PM foi acionada.

Os militares chegaram e pediram que ele baixasse a arma. O homem não obedeceu e apontou a pistola para os policiais. Ainda conforme a PM, os militares pediram mais uma vez que ele baixasse a arma, mas William a manteve na direção dos policiais, que atiraram.

William chegou a ser socorrido para a UPA Santa Terezinha, na Pampulha, onde morreu. De acordo com o bo, ele teria passagem por lesão corporal e vias de fato.

William era agente socioeducativo contratado. Ou seja, não era concursado. O corpo dele foi levado para o Instituto Médico de Legal (IML) da capital.