Espetbet três
Digital Graph
Ótima
Arnaldo Radiadores
Ramses
Chama!!!
Espetbet 1
Carioca
Ótica Pontual
Espetbet dois
Homeopatia São Lucas
Otica Santa Luzia
Sicoob
Espetbet 4
Agrotop Novo
Breno Campolina
Cooperlíder Proteção Veicular
Auto Rodas
Loctem dois
Escritório Jucema
Quality Optcas
Dinheiro por Jóias
Forte vidros dois
Casa da Arte
Ronaldo Cardans
Espetbet
Espetbet 6
Torneamento São Geraldo
Clinica Dois
SUL DE MINAS

Advogada e suspeito de tráfico são presos 2 vezes em menos de 24h por porte ilegal de arma em Minas

O suspeito tem passagens por roubo, tráfico de drogas e assalto a agências bancárias

16/09/2022 10h06
Por: Redação

Com Itasat

Um homem de 29 anos foi preso, duas vezes, em menos de 24 horas por porte ilegal de arma de fogo. Nas duas vezes, o carro em que ele estava era dirigido por uma advogada de 42 anos. As ocorrências foram registrado na cidade de Alpinópolis, no Sul de Minas, nessa quarta (14) e quinta (15). De acordo com a Polícia Militar (PM), o suspeito tem passagens por roubo, tráfico de drogas e assalto a agências bancárias. O suspeito e a advogada foram presos e levados à delegacia.

Na primeira ocorrência, no dia 14, o suspeito estava em um veículo BMW de cor branca, blindado, dirigido pela advogada. Ao verificar o sistema, a PM constatou que o homem possui passagens pelos crimes de roubo e tráfico de drogas, além de envolvimento com explosão de caixas eletrônicos.

Os militares, durante vistoria no carro, encontraram uma PT 380, com um carregador sem munição. O homem disse que a arma não era registrada. Diante disso, foi dada voz de prisão em flagrante ao suspeito que foi conduzido para a delegacia. No entanto, foi ouvido e liberado.

No dia seguinte, na quinta-feira (15), a dupla foi novamente abordada por policiais militares que encontraram no carro, a mesma BMW do dia anterior, outra pistola. Conforme o bo, a arma (calibre 9MM) estava no banco de trás do carro. Já no console foram localizadas duas caixas com 100 munições.

O suspeito alegou aos militares que não possui registro da arma e que ela seria da cunhada dele. Diante dos fatos, ele e a advogada foram presos em flagrante, sendo conduzidos à delegacia de Passos, no Sul de Minas. O veículo foi recolhido ao pátio do Detran.

Procurado pela reportagem, o delegado regional de Passos, Marcos Pimenta, informou que o suspeito foi levado para o presídio. Já a advogada pagou fiança e foi liberada. Ainda conforme o delegado, na primeira vez o suspeito pagou fiança e foi liberado.